Um executivo da Facebook nesta semana que a plataforma social provavelmente se tornará “toda em vídeo” em cinco anos. Os vídeos do Facebook são agora visto 8 bilhões de vezes por dia na rede social, em comparação a 1 bilhão de um ano atrás, segundo Nicola Mendelsohn, vice-presidente do Facebook na Europa, Oriente Médio e África, em uma conferência da em Londres.

Uma média de 100 milhões de horas de vídeo são assistidos no Facebook em dispositivos móveis diariamente, relatou a Fortune. Os vídeos ao vivo do Facebook também tem sido um fenômeno maior e mais rápido do que se esperava.

Veja um depoimento de Nicola Mendelsohn:

“Eu só acho que se nós já não olhamos, nós estamos vendo um declínio ano a ano no conteúdo de texto. E estamos vendo um aumento maciço, como eu disse, em fotos e vídeo. Se fosse apostar em uma coisa, eu diria: vídeo, vídeo, vídeo”.

O CEO do Facebook, Mark Zuckerberg é declaradamente “obcecado” com streaming ao vivo, e a empresa tem pagado agências de notícias como o The New York Times e BuzzFeed para usar o Facebook Live. O Facebook está pagando cerca de $ 250.000 para eles postarem 20 vídeos por mês ao longo de um período de três meses, relatou o BuzzFeed em abril.

Como o Facebook enfatizando cada vez mais os vídeos – e pagando empresas para produzi-los – certamente podemos esperar que as empresas de notícias continuem a dedicar recursos para a produção de conteúdo de vídeo. No entanto, isso é um investimento caro. A Mashable informou em um relatório de maio que o The Information estava gastando entre US $ 4 milhões e US $ 5 milhões por mês, uma vez que lançou os seus esforços de vídeo no ano passado (2015).

E você, seguirá esta nova tendência ou ficará para trás?

Receba nossos artigos!
Nós respeitamos sua privacidade.